Professores da FE realizam oficinas de artes

21 de setembro de 2017



“A arte contribui para a aprendizagem e os experimentos e, principalmente, colabora com o desenvolvimento físico, social-cognitivo, afetivo e cultural de nossas crianças. O pedagogo alemão Friedrich Fröebel, disseminou o conceito de que as crianças deveriam criar as próprias expressões artísticas e apreciar a arte criada por outros. Quando trabalhada e estimulada desde muito cedo, a arte possibilita o desenvolvimento do senso crítico, da sensibilidade e da criatividade; além, é claro, de proporcionar à criança uma leitura do mundo e de si própria. A arte e seus elementos estão presentes no dia-a-dia das crianças por meio das cores e figuras de uma parede, em um quadro, nas ruas, em casa, nos brinquedos, etc. Assim, as artes têm o poder de conduzir essas crianças a desenvolver, explorar e conhecer as suas reais potencialidades.” (Elisabete da Silva Gomes, licencianda de Pedagogia – Faculdade de Educação / UFRJ)

No primeiro semestre de 2017, os professores Monique Andries Nogueira (Música), Sílvia Soter (Dança) e Wilson Cardoso Junior (Artes Visuais) promoveram a disciplina Oficina de Artes no âmbito do curso de Pedagogia com o objetivo de proporcionar experiências estéticas a partir de diferentes linguagens artísticas e do entrelaçamento entre elas. Buscou-se contribuir para a formação docente por meio de vivências, pesquisas e reflexões sobre princípios estéticos, diferentes legados culturais-artísticos e diferentes manifestações artísticas presentes no cotidiano escolar.

O curso foi desenvolvido em três módulos: Corpo e Identidade, Cotidiano e Contemporaneidade, Arte Popular e Coletividades.

Durante o curso, professores e alunos montaram uma exposição (chamada “exposição em processo”) no hall do prédio do Bingo com os trabalhos plásticos da turma.

Além dos encontros semanais ocorridos no Bingo, no turno da noite, foram realizadas visitas a espaços culturais e artísticos da cidade do Rio de Janeiro junto com os professores (visita ao Centro de Referência da Música Carioca, na Tijuca, no dia 02/06/2017, apresentação da Orquestra Sanfônica do Rio de Janeiro; visita a exposição “Los Carpinteiros”, no Centro Cultural do Banco do Brasil / Centro, em 10/06/2017).

Como parte das atividades da Oficina, os alunos realizaram visitas a eventos, exposições e espetáculos escolhidos por eles mesmos.

No encontro final foi feita uma Festa Junina, na sala de aula, com o propósito de valorização da cultura popular brasileira e da integração entre as linguagens artísticas das artes visuais, dança e música.

A composição da turma teve a maioria de alunos do Curso de Pedagogia da UFRJ, mas contou também com alunos de Ciências Sociais, Educação Artística, Serviço Social e Comunicação.

“Agradeço desde já as aulas, apesar de ser aluna de Ciências Sociais eu peguei a matéria por gostar de arte, trabalhar com crianças e também como um possível mestrado... tentar linkar arte, educação e sociologia. Acabo de me formar e fico feliz de ter pego no meu último período as matérias na Faculdade de Educação. Saio da UFRJ muito mais feliz do que eu pensaria. Obrigada a todos pelo carinho, amor e dedicação as aulas e aos alunos.” (Dominique Andrade / Ciências Sociais – IFCS / UFRJ)

Confira aqui alguns depoimentos dos alunos participantes sobre as exposições visitadas