Defesa da dissertação COMO CONTAR HISTÓRIAS QUE NÃO SÃO MINHAS? MENINAS NEGRAS PROTAGONIZANDO O ESPAÇO ESCOLAR PRIVADO


Detalhes do Evento

  • Data:
  • Categorias:

Defesa da tese COMO CONTAR HISTÓRIAS QUE NÃO SÃO MINHAS? MENINAS NEGRAS PROTAGONIZANDO O ESPAÇO ESCOLAR PRIVADO, de autoria de Anne Caroline de Carvalho Nunes, dia 02/04/2020, às 15h, por VÍDEOCONFERÊNCIA.

A presente dissertação busca explicitar os impactos da interlocução entre conteúdos eurocentrados e a ação de meninas negras num espaço escolar privado. Esses efeitos se dão tanto em suas existências quanto nas subjetividades e de outros sujeitos que
ali interagem. E para, além disso, convidam a pensar e identificar os efeitos dessas práticas através das falas, produções em sala, e dentro do ambiente no reconhecimento de sujeitas e de seus corpos e mentes que circulam e interagem visíveis e atuantes em suas intelectualidades ao questionar os efeitos de um ensino
eurocentrado sobre a população negra abre caminho para a busca de uma prática pedagógica que suscite discussões e temáticas em sala de aula. E faz pensar e identificar os efeitos dessas práticas através das falas, produções dentro desse ambiente escolar no reconhecimento de sujeitas e de seus corpos e mentes que
circulam e interagem visíveis e atuantes em suas intelectualidades. Dessa forma, as meninas negras de uma escola privada em Niterói protagonizam esta pesquisa a partir de novas ações na reeducação das relações etnicorraciais. Sua existências e demandas tornam-se centrais nesta pesquisa partir do momento em que direcionados material didático e conteúdos curriculares a partir do feminismo
descolonial.

Confira mais detalhes aqui